Mensagem do dia

"A maior barreira para o sucesso é o medo do fracasso."

(Sun Tzu)

Comparação entre o AMD Opteron e Intel Xeon

Qual o melhor família de processadores AMD OPteron ou Intel Xeon. Aqui apresentamos um breve comparativo entre este dois processadores.

Os processadores da família AMD Opteron e Intel Xeon são processadores com uma arquitetura específica para equipamentos onde são exigido alto desempenho, processamento, baixo consumo de energia e recursos de virtualização como servidores e Workstations (estações de alto desempenho).

A AMD destaca como principais diferenciais tecnológicos a Arquitetura de Conexão Direta, HyperTransport, Controle de Memória Integrado e AMD PowerNow!, AMD Virtualization (AMD-V). Na figura 1 ilustra a estrutura dos processadores AMD Opteron.




Figura 1 - AMD Opteron
Arquitetura de Conexão Direta – Como os processadores estão conectados diretamente a memória não passando por subsistemas de I/o que possibilitam gargalos no sistema os processadores AMD que utilizam as conexões Hypertransport que possibilitam uma alta largura de banda. Um dos diferencias desta arquitetura esta no fato do controlador de memória estar na mesma pastilha do processador o que não ocorre em outras tecnologias.

Controle de Memória Integrado – Para melhor desempenho no processo de acesso a memória os processadores AMD Opteron possuem um controlador de memória integrado a pastilha. Com esta arquitetura é possível o aumento da largura de banda no acesso aos processadores com o acréscimo de mais processadores, o que não ocorre em arquiteturas mais antigas.

Tecnologia HyperTransport - A tecnologia HyperTransport é uma conexão de comunicação ponto a ponto de alta velocidade, bidirecional e de baixa latência que fornece uma interconexão de largura de banda escalável entre núcleos de computação, subsistemas de I/O, bancos de memória e outros chipsets. Os processadores AMD Opteron suportam até três conexões HyperTransport coerentes, rendendo uma largura de banda máxima de até 24,0 GB/s por processador. A tecnologia HyperTransport foi inventada na AMD com contribuições de parceiros do setor, sendo gerenciada e licenciada pelo HyperTransport Technology Consortium, uma corporação sem fins lucrativos situada no Texas, EUA. A especificação completa e mais informações sobre a tecnologia HyperTransport podem ser encontradas em HyperTransport.org. (Fonte: AMD)



Figura 2 - AMD Virtualization
AMD Virtualization (AMD-V) - Para melhorar o desempenho em ambientes virtualizados a arquitetura AMD-V utiliza a Arquitetura de Conexão direta para alto desempenho quando ocorre acesso a memória e a Tecnologia de HyperTransport aperfeiçoa a troca de dados e o compartilhamento de recursos entre maquinas virtuais.

Em relação aos processadores INTEL Xeon podemos destacar a Intel Core Microarchitecture. Concebida em 2006 para a primeira geração de processadores de múltiplos núcleos d família Intel Core 2 é constituída pelas seguintes características.

Características da Intel Core microarchitecture

Intel® Wide Dynamic Execution – Combina técnicas de fluxo de dados análise, execução especulativa, execução desordenada e super escalar) permite executar mais instruções dentro de um ciclo de um ciclo clock.

Intel® Advanced Smart Cache – Através do compartilhamento do cache L2 e evitada à duplicação de dados quando os diversos núcleos trabalham o mesmo bloco de memória e consequentemente ganhando maior desempenho com a diminuição da latência. Devem ter sido um desafio para os engenheiros da Intel na implementação de regras para compartilhamento do acesso do cache L2.

Intel® Smart Memory Access - Possibilita a melhor utilização da banda de acesso a memória e com isso melhorando o desempenho do sistema através da técnica de execução especulativa.

Intel® Intelligent Power Capabil